Crônicas, divagações e contestações sobre injustiças sociais, cultura pop, atualidades e eventuais velharias cult, enfim, tudo sobre a problemática contemporânea.

terça-feira, 2 de agosto de 2011

A procura da felicidade


Sabe, esse filme não é uma lição de vida, de perseverança ou de amor... É UM TAPA NA CARA! Daqueles com luva de metal, seguido de água e sal... A história do filme todo mundo conhece (se não conhece, vá procurar no Google, porque eu não dou colher de chá.

Mas, como todo mundo sabe que mataram o gato, mas não sabe como se faz o tamborim, titio Garcia expRica a sinopse:

Chris Gardner é um homem trabalhador que passa por dificuldades financeiras. Mas ele tem sonhos e trabalha vendendo aparelhos que ninguém leva fé. Nem sua esposa. A megera larga o cara com o filho pequeno do casal e se manda. Chris começa a batalhar para conseguir seu lugar ao Sol enquanto mora em abrigos, ônibus, rua e onde mais der pra puxar um ronco.

Resumindo o filme, o cara passa por tudo que um ser humano pode passar de ruim, mas sempre mantém a disposição para levantar e ir em busca do que ele quer. Enquanto muita gente se dói por qualquer m*erdinha, ele nunca desistiu de chegar lá (a felicidade, pombas!).

Então, veja a cena do banheiro e pense se sua vida está tão ruim que você não possa fazer nada para melhorar... (faz isso ou tenta dormir nos ônibus por falta de moradia pro seu filho não perceber que estão sem-teto).

Nenhum comentário: