Crônicas, divagações e contestações sobre injustiças sociais, cultura pop, atualidades e eventuais velharias cult, enfim, tudo sobre a problemática contemporânea.

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Levante popular contra o abuso político

Falo do RJ, pois, sou carioca, mas tô vibrando pelo Brasil todo, meu povo!
Não é por causa de centavos e nem por causa de nada de mais, é só por respeito, coisa que estava faltando acontecer de forma massiva. Nunca se roubou e se mentiu tão descaradamente. Nunca foi tão esfregada na nossa cara o descaso com tudo o que importa para uma sociedade em prol apenas do lucro em cima do lucro.

Chega de cabide de empregos para patrocinadores. Chega de laranjas e bananas fazendo as costas largas e quentes dos testas de ferro e do crime organizado. Chega da falsidade das promessas de quem faz uma pracinha iluminada e acha que engana a qualquer povão inocente e carente. Chega também de letargia, do fascismo auto-imposto de achar que não se luta uma batalha que não vai dar em nada.

Só não dá em nada se não fizermos nada, aí o inimigo já ganhou pela desistência nossa. Cuidemos uns dos outros e ninguém mais vai apontar o dedo em nossas caras e rir com a certeza da impunidade. Quem poupa o lobo, sacrifica as ovelhas, e as ovelhas estão se levantando pra morder os lobos em pele de cordeiro. Que seja a primeira e não a única, que a juventude, principalmente, esteja inquieta com o mundo melhor que sempre é prometido a todas as juventudes de todos os tempos e nunca chega. País do futuro é assim, se faz no presente e antes tarde do que nunca.

Quando as ovelhas acordam, os lobos perdem o sono!

Nenhum comentário: